Facebook       Twitter

Porto Velho (RO) recebe 1.966 unidades habitacionais do PMCMV

0

Foto: Divulgação/ Ministério das Cidades

Foto: Divulgação/ Ministério das Cidades

Na manhã do último sábado (03), o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, esteve Porto Velho (RO) para entregar 1.966 moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida. O Residencial Cristal da Calama I e II vai beneficiar cerca de 7.864 pessoas, sob um investimento de R$ 131,72 milhões do Governo Federal. O complexo é voltado para a Faixa 1 do programa, para famílias com renda mensal de até R$ 1,8 mil.

Na companhia dom governador do estado, Confúcio Moura, o ministro Alexandre Baldy ressaltou o número de famílias que receberão o imóvel em um único empreendimento. “Muitas pessoas sonharam com esse momento da casa própria. São quase 2 mil famílias contempladas, com um grande investimento para viabilizar esse residencial. Hoje, essas famílias pagarão menos de R$ 200 mensais de prestação, em um lugar com estrutura para ter uma vida digna.”

Já o governador Confúcio Moura comparou o tamanho do empreendimento com o número populacional de algumas cidades de Rondônia. “Esse empreendimento receberá mais pessoas que muitas cidades do estado. Proporcionalmente ao número de habitantes do estado, nós recebemos uma imensa quantidade de unidades habitacionais. Nosso objetivo é realizar, cada vez mais, o sonho das pessoas em ter um imóvel próprio. É preciso reconhecer que muitas mãos trabalharam para que esse momento acontecesse, e entre elas, a do ministro Alexandre Baldy e do Ministério das Cidades.”

WhatsApp Image 2018 03 03 at 13.11.52MCMV Entidades

O ministro Alexandre Baldy aproveitou a ocasião e anunciou o número de seleção de propostas para o estado na modalidade Entidades do programa, que contempla o Programa Nacional de Habitação Urbana (PNHU) e Rural (PNHR), publicado no Diário Oficial da União no último dia 28.

“Rondônia receberá 361 unidades habitacionais dentro do PNHR, com investimento de cerca de R$ 9,5 milhões. Muitos agricultores, moradores do campo, setor que ajuda a alavancar não só a economia do estado, mas também do país, serão alcançados novamente pelo programa”, finalizou.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Ministério das Cidades

Share.

About Author

Leave A Reply

Powered by themekiller.com