Facebook       Twitter

Ministro libera R$ 750 milhões para obras do Minha Casa Minha Vida e de mobilidade urbana

0

Somente para Teresina, serão R$ 178 liberados para a construção de 1.200 unidades do Minha Casa, Minha Vida

Ministro Alexandre Baldy e prefeito Firmino Filho assinam contrato. Foto: Lorena Linhares/G1

Ministro Alexandre Baldy e prefeito Firmino Filho assinam contrato. Foto: Lorena Linhares/G1

O ministro das cidades, Alexandre Baldy, fez nesta terça-feira (3) a liberação de R$ 756 milhões para obras do Minha Casa, Minha Vida, de mobilidade urbana e de saneamento básico em 71 cidades do Piauí. Os valores já estão disponíveis e serão contratados pelos municípios por meio da Caixa Econômica Federal, oriundos do programa Avançar Cidades.

Somente para Teresina, serão R$ 178 liberados para a construção de 1.200 unidades do Minha Casa, Minha Vida. “Serão construídas habitações para abrigar pessoas que estão em áreas de risco na região do Lagoas do Norte”, afirmou o prefeito Firmino Filho (PSDB).

Haverá residenciais nas Zonas Sul e Norte da capital, nos bairros Santo Antônio e Santa Maria da Codipi. O prefeito destacou ainda que parte dos recursos serão também destinados para a expansão de corredores exclusivos de ônibus, como a inclusão no corredor sul da avenida Maranhão, seguindo pelo bairro Saci até o terminal de integração do Parque Piauí.

No restante do estado, mais 70 cidades receberão também unidades habitacionais e obras de saneamento e pavimentação.

“Só em Teresina autorizamos mais de mil unidades de moradia para beneficiar a população. Temos diversos projetos em andamento. No Piauí temos centenas de obras que estão em andamento que vão entregar o sonho da casa própria para famílias que tanto precisam. Estamos nos dedicando para entregar aquilo que estava em andamento, retomando obras que estavam paralisadas e assinando autorização e contratos para novas obras”, afirmou o ministro.

Ele explicou como vai acontecer o acesso das prefeituras aos valores. “O Piauí é hoje o estado que mais tem prefeituras aprovadas com projetos proporcionalmente no âmbito do ‘Programa Avançar Cidades: Mobilidade Urbana’. Recursos esses que serão contratados após essa autorização dada hoje para 71 municípios que já estão concretizados os seus processos de análise e agora partem para contratação com a Caixa”, disse.

Fonte: G1

Share.

About Author

Leave A Reply

Powered by themekiller.com