Facebook       Twitter

ABC e FNSHDU promovem reunião no Estado de São Paulo

0

A Secretaria de Habitação, em São Paulo, sediou no dia 25/2, a primeira reunião conjunta da ABC- Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos de Habitação e do Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano em 2016. A reunião teve uma agenda conjunta com o terceiro ciclo de encontros e troca de experiências, evento técnico que teve como tema “Companhias e Agências de Habitação como agentes promotoras e indutoras da produção habitacional”. Estiveram presentes secretários de Habitação, técnicos e profissionais de Cohabs dos estados de São Paulo, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina.

O principal foco do debate foi a parceria entre os governos estaduais e o governo federal. O secretário de Habitação do Estado de São Paulo e Presidente do Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Rodrigo Garcia, falou sobre a atuação da política habitacional paulista com o aporte de recursos para viabilização do programa Minha Casa Minha Vida no estado. “O custo de terrenos e produção em São Paulo é acima da média nacional, então o governo paulista complementa o investimento federal para que os projetos sejam implantados”, disse.

No evento, a presidente da ABC, secretária de Estado da Habitação do Mato Grosso do Sul e presidente da Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab), Maria do Carmo Avesani Lopez, falou que o papel das agências é fundamental para reconhecer onde estão as demandas prioritárias e promover um atendimento habitacional eficaz. “O sistema de seleção de projetos deve ser embasado por um cadastramento unificado dos municípios, onde o Estado possa enxergar os pontos mais críticos e que necessitam de uma atenção especial para implantação dos programas, especialmente no caso dos investimentos federais onde há a necessidade do aporte estadual”, disse.

Outro assunto da pauta foi a expectativa para o lançamento da fase 3 do programa Minha Casa Minha Vida. “É importante que os agentes de cada Estado possam participar das discussões que irão definir as mudanças e novas regras que serão aplicadas na fase 3. As secretarias de habitação, cohabs e agentes de habitação regionais possuem dados sobre as demandas que podem nortear o governo federal, apontar as maiores dificuldades encontradas e também ajudar a definir prioridades de atendimento”, concluiu o secretário Rodrigo.

Confira as fotos do evento em nossa galeria

Abaixo segue as apresentações realizadas no encontro:

 

 

Fonte: CDHU

Fotos: DeAngelo

Share.

About Author

Leave A Reply

Powered by themekiller.com